.

Afinal: Quanto custa fazer um site?

Uma das dúvidas mais comuns de nossos clientes é saber quanto de fato se investe para fazer um site profissional. Para muitos produtos e serviços existem preços que são tabelados, mas essa mesma lógica não funciona aqui, pois existem muitas variáveis, que vão desde a elaboração de sistemas específicos como:

Controle interno de caixa, chat para atendimento online, vitrine virtual de produtos até um grau de criação maior para um determinado projeto como efeitos de transição específicos e trabalhos de complexidade visual. Tais trabalhos vão demandar técnicas mais complexas que vão além do desenvolvimento de um site institucional comum.

Hoje em dia, o website de qualquer empresa é o seu maior cartão de visitas. Mais importante até que a faixada da sede, um bom website passa a ideia de seriedade, agilidade e profissionalismo da empresa. Quem nunca desistiu de comprar algo porque encontrou um site mal acabado, não responsivo, cheio de falhas?
As empresas que tentam tabelar este valor acabam entregando sites que são limitados e que são mal programados (semântica HTML ruim). A verdade é que o site deve ser personalizado, pensado no caso a caso, com o objetivo de atender as demandas e resolver os problemas da realidade dos clientes. Assim como comprar um par de óculos, que deve conter a lente ideal para o seu desvio ocular. Não basta qualquer um.

Fizemos este post para você refletir sobre tudo aquilo que deve levar em consideração ao projetar o site da sua empresa.

Quem vai programar meu site? Por que contratar alguém para resolver

Uma primeira opção seria utilizar as plataformas gratuitas para criar sites. Pode parecer vantajoso a princípio, porém a possibilidade de cair no mesmo problema que apresentamos ali em cima, são altíssimas e por isso honestamente não recomendamos utilizar destes dispositivos para quem leva a sério e com profissionalismo a criação de sites. Um site ruim é um cartão de visitas ruim de sua empresa.

Se você seguiu lendo até aqui, restam 2 opções: Contratar um profissional Freelancer ou uma Agência de Desenvolvimento Web. Trata-se de duas opções completamente distintas, uma vez que não é possível comparar o tipo de trabalho. 

Nada contra estes profissionais, que são importantes até mesmo para as agências em momentos de gargalo precisam dinamizar atividades, porém, para projetos maiores e mais complexos, uma equipe multidisciplinar (programadores, designers, produtores de conteúdo etc), um atendimento personalizado e principalmente a organização de prazos e reuniões pré-agendadas dão um trato profissional, desenvolvendo o site com muito mais carinho e objetividade.

Uma agência de Desenvolvimento Web fará com que seu site seja pensado por profissionais que se atualizam constantemente, vivem o mercado e sabem o que o usuário busca. As chances de bons resultados sobem absurdamente.

Só você sabe o que é bom para seu negócio

Antes de iniciar o projeto do website, primeiro é preciso pensar nas ferramentas que seriam indispensáveis para seu bom funcionamento. Se você quer criar um E-commerce por exemplo, investir em uma plataforma de vendas é muito mais importante do que um simples site institucional por exemplo. 

Se o seu projeto é manter um blog, alguns formulários de notícias, agenda de eventos devem ser implementados, para ampliar o canal de comunicação entre você e seus seguidores. Bem mais interessante do que uma simples aba para contato não concorda?

O que é importante conter no meu projeto Web: Os fatores invisíveis do Website

Além da parte do layout, os banners rotativos, a interface amigável (que fará com que com apenas alguns cliques o cliente conclua uma compra), o projeto web também deve também levar em conta os fatores que não são visíveis ao usuário, mas que são fundamentais para o sucesso do site:
1)    O contrato estipula todas as fases do projeto? Como será feito este planejamento?
2)    Qual a linguagem de programação que vai ser trabalhada? Será necessário implementar uma plataforma CMS para gerir o conteúdo?
3)    Investir em um bom trabalho SEO (Search Engine Optimization) para que seu site seja encontrado facilmente pelos buscadores como o Google. Não adianta nada ter o site mais lindo do mundo sem a visibilidade que o Google pode dar

Este foi nosso post sobre quanto custa fazer um site. Conforme explicou o post, muitas coisas devem ser levadas em consideração e não se trata de um preço fixo, pois é um trabalho que é volátil conforme as demandas do cliente, mas sobretudo que envolve criatividade e talento por parte das equipes.
Está pensando em fazer um site para seu negócio? Converse com a gente ou deixe um comentário neste post. Até a próxima.

.
LiveZilla Live Chat Software